Especial Dia dos Namorados: Romeu e Julieta sob várias perspectivas »« Férias: época de curtir as estreias do cinema!
20|06|2012

Como funciona a Monarquia no Reino Unido?

A história do Reino Unido é uma das mais ricas que se tem notícia. Lendas, guerras, castelos, inúmeras características peculiares da região fazem desses países uma fonte de diversas curiosidades. No entanto, apesar dos séculos passarem, um dos mais importantes resquícios dos tempos antigos ingleses permanece, talvez não com o mesmo poder, mas com a mesma glória: a Monarquia Britânica. No post de hoje, entenda como funciona a estrutura da monarquia do Reino Unido.

monarquia-britanica-como-funciona-cultura-inglesa-ce-01

Monarquia e poder

Muitas vezes, quem vê a atual Monarquia Britânica nem se dá conta do poder que ela teve antigamente. Os antigos monarcas britânicos eram chefes de Estado e de Governo. Entregavam terras para os nobres, tinham o poder de criar e impor leis. Hoje, a monarca do Reino Unido, rainha Elizabeth II, e os demais integrantes da monarquia possuem papéis sociais mais simbólicos que políticos.

parlamento-inglaterra-monarquia-britanica-cultura-inglesa-ceCom a Magna Carta, assinada em 1215 pelo Rei João, o poder absoluto da monarquia foi anulado. Durante o reinado de Eduardo I (1272-1307), criou-se o Parlamento, instituição política que teve um poder crescente desde então. O papel político da monarquia diminuiu até se tornar o que é hoje. No entanto, o título da Monarquia Britânica ainda vive e se espalha por todo o planeta.

O poder político do Reino Unido é exercido pelo Parlamento, cujo chefe é o Primeiro Ministro, e o monarca possui um papel não partidário, se encarregando de atividades como a concessão de honrarias (exemplo: os títulos de “Sir”). Na verdade, até mesmo a designação de nomes para se tornarem “cavaleiros” ou “lordes” é feita pelo Parlamento. O monarca deve (por lei) entregar o título, por mais que não goste da pessoa. Difícil =/

Sucessão

O título de monarca do Reino Unido é sucedido através de hereditariedade. Ao morrer, o rei (ou a rainha) deixa o lugar ao primogênito. Antigamente, só os homens tinham direito ao trono. Em 2011, por iniciativa do primeiro-ministro David Cameron, o primogênito da família real, não importando qual o gênero, pode ser o monarca desde que esteja na linha de sucessão. Só para constar, a rainha Elizabeth II tornou-se monarca do Reino Unido por não possuir irmãos.

A sucessão do trono é feita imediatamente após a morte do atual monarca, sem necessidades de cerimônias ou confirmações. Devido a isso, existe uma frase que é comumente ouvida no Reino Unido em momentos como esse: “O Rei está morto. Longa vida ao Rei!“.

long-live-the-king-monarquia-britanica-cultura-inglesa-ce

A família real é formada pelos parentes mais próximos do monarca. Atualmente, ela é formada pelo príncipe Charles (filho primogênito da rainha e próximo na linha de sucessão da monarquia), sua esposa Camila e os príncipes William e Harry (filhos de Charles); príncipe André (segundo filho da Rainha Elizabeth II), e suas filhas Eugênia e Beatriz; príncipe Edward e seus filhos Jaime e Louise; e a princesa Ana, única filha da atual rainha da Inglaterra. Alguns primos da rainha Elizabeth também fazem parte da família real.

Títulos de nobreza

Você provavelmente já ouviu falar de um Duque Fulano ou de um Barão Sicrano. Pois é, cada título de nobreza compõe uma hierarquia que segue a seguinte ordem: duque, marquês, conde, visconde e barão. Quanto maior o título, maiores eram as terras desses fidalgos na Idade Média. Hoje em dia, tais nomeações não possuem tanto valor assim. Os títulos de nobreza funcionam apenas para garantir certo prestígio social. Na foto abaixo, você confere o Sir Patrick Stewart, também conhecido como Professor Xavier, sendo condecorado pela Rainha Elizabeth II.

sir-patrick-stewart-monarquia-britanica-cultura-inglesa-ce

Quer saber mais sobre o Reino Unido? É só seguir a Cultura Inglesa no Twitter e no Facebook. Lá você encontra informações diárias sobre esse e diversos outros assuntos.

Fontes: Mundo Estranho, Só História, Folha e Wikipedia

Conheça as redes sociais da Cultura Inglesa Ceará: Facebook | Twitter | Youtube

Voltar à página inicial

Comentários (1)











* Campos obrigatórios