10 maneiras de aproveitar bem as férias! »« Confira os monumentos mais valiosos da Europa.
21|01|2014

#BritishLiterature13 – 1984, de George Orwell

O #BritishLiterature voltou! Nessa seção, separamos dicas de livros e autores britânicos para você ficar por dentro do assunto e enriquecer ainda mais seu repertório literário. A dica de hoje é 1984 de George Orwell. Vamos lá?

George Orwell é o pseudônimo de Eric Arthur Blair, um indiano que se mudou para a Inglaterra aos oito anos, onde estudou e morou boa parte da sua vida.  Eric chegou a voltar para a Índia, fazendo pare da polícia imperial do país, mas retornou à Inglaterra e passou por períodos difíceis, contexto que gerou o seu primeiro livro: Na Pior em Paris e Londres.  Após esse momento, Orwell lutou na Guerra Civil Espanhola e, durante a Segunda Guerra Mundial, foi correspondente da BBC.  O autor morreu em consequência de uma tuberculose, em 1950, na Inglaterra.

Orwell deixou várias obras como legado, sendo 1984 uma das mais aclamadas. A obra foi publicada em 1949 e fala, principalmente, sobre a dominação política e o poder que o sistema exerce sobre o individuo, abordando temas como a quebra de privacidade. O livro foi traduzido em 65 países e já inspirou minisséries, filmes, quadrinhos, mangás e até uma ópera! Há quem diga que o reality show Big Brother, nome do personagem do livro, foi inspirado na produção de George.

A trama se passa em Londres (na fictícia Oceania) e gira em torno do Grande Irmão. O Big Brother é o líder máximo, que assumiu o poder após uma guerra e comanda um dos três grandes estados transcontinentais totalitários formados após o conflito. Tudo é controlado por meio das “teletelas”, fazendo jus ao slogan espalhado em cartazes pela cidade: O Grande Irmão está de olho em você.

O protagonista é Winston Smith, funcionário do Departamento de Documentação do Ministério da Verdade. Sua função é falsificar documentos históricos, de forma que o passado condiga com os interesses do ditador. Absolutamente tudo é monitorado pela Polícia das Ideias, inclusive as relações amorosas. Acontece que Winston se apaixona por Júlia, funcionária do Departamento. Esse sentimento o faz acreditar que uma rebelião é possível. O desenrolar da história você mesmo descobre! Demais esse enredo, não é?

Uma curiosidade sobre o livro é que suas vendas aumentaram quase 7.000% após as notícias de espionagem nos EUA. Será que a vida imita a arte? Desejamos uma ótima leitura e até o próximo post!

Fonte: [1] [2]

Conheça as redes sociais da Cultura Inglesa Ceará: Facebook | Instagram | Youtube

Voltar à página inicial











* Campos obrigatórios